HOME | O QUE É? | MISSÃO | PROTETORES | CARACTERÍSTICAS | RESISTÊNCIA | BENEFÍCIOS | COMO ESCOLHER | FAQ | 27 PASSOS

REFLEXO CONDICIONADO | QUEIMADURAS | FOTOS | CUSTOS | ESTATÍSTICA | COMO OCORRE | NOTÍCIAS | DICAS | COMPRAR

QUEIMADURA COM ÁGUA MATA MENINO

Médicos dizem que a maioria dos casos ocorrem na cozinha.

Morreu esta semana no Hospital Evangélico de Curitiba, vítima de queimaduras de terceiro grau, o menino M. B. L. de um ano e 9 meses. Ele foi atingido quando puxou uma chaleira que estava no fogão de sua casa. Este tipo de ocorrência responde por mais de 90% dos atendimentos feitos na unidade. O corpo do menino foi sepultado ontem, às 13 h. no cemitério municipal do Boqueirão.

M.B.L. deu entrada no setor de Queimados Pediátrico no domingo à tarde. Tinha queimaduras de 2º e 3º grau em 8% da superfície corporal. As partes mais atingidas foram o rosto, couro cabeludo, tórax e membros superiores.

Segunda-feira pela manhã, o garoto foi parar duas vezes no centro cirúrgico. Tinha febre alta e não respondia a estímulos. Sua circulação apresentava problemas, principalmente nos membros inferiores. Segundo a equipe médica, ele deve ter contraído uma infecção fulminante decorrente da queimadura. Ele teve parada respiratória e não respondeu às iniciativas de reanimação, feitas por 45 minutos.

Acidentes como o que vitimou M.B.L., provam, segundo a equipe do Serviço de Queimados, que a cozinha é a principal inimiga das crianças. Por esta razão, todo esforço que os pais puderem fazer para deixá-las longe deste ambiente, mais chances têm de evitar a ocorrência de um acidente que poderá matar ou deixar uma criança com seqüelas pelo resto vida.

JORNAL GAZETA DO POVO